A bênção de ser um dizimista

E Melquisedeque, rei de Salém, trouxe pão e vinho; e era este sacerdote do Deus Altíssimo.


E abençoou-o, e disse: Bendito seja Abrão pelo Deus Altíssimo, o Possuidor dos céus e da terra;



E bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus inimigos nas tuas mãos. E Abrão deu-lhe o dízimo de tudo. (Gênesis 14. 18-20)



INTRODUÇÃO


Abraão é um patriarca que deu exemplo aos povos da sua época, deu exemplos a Israel, e ainda hoje continua dando-nos exemplos de vida tremendos para nossos dias. A Palavra é clara quando trata de Abraão como um homem justo, um servo fiel e exemplo nos seus dias (Hebreus 11. 8).


O patriarca dá um imensurável exemplo para os pais nos nossos dias. Abraão ao sair de uma guerra para salvar seu sobrinho Ló, resolve não aceitar nenhum dinheiro do despojo, mas ao invés de lucrar com a guerra (Gênesis 14. 21-24), ele dizima ao Senhor, dízimo de tudo quanto possuia (Gênesis 18-20).


Hoje convivemos numa situação em que muitos meios religiosos tentam deturpar o sentido de dízimo com esmolas (posso citar a comunidade católica de São Francisco aqui na cidade de Patos - PB, aonde eles não exigem 10% do salário, ou seja, não é dízimo e sim uma pequena oferta ou até mesmo esmola), em outros o sentido de dízimo como meio de salvação (uma certa denominação famosa que vive sendo palco de discussões por uma certa rede de televisão brasileira), enfim, existem muitos mitos e absurdos a respeito do dízimo que torna inegável não observar tais coisas.


Na verdade o que é o dízimo? Como o próprio nome mostra 10% do que arrecadamos. Não podemos atribuir o dízimo a Lei mosaica, porque quando Abraão dizimou nessa passagem Moisés nem sonhava em nascer, ou seja, o dízimo é uma prática que vai além da Lei mosaica. Sabemos bem que Jesus cumpriu a Lei, mas o que estava antes da Lei em momento nenhum veremos que Ele nos isenta de cumprir, mas pelo contrário, devemos cumprir porque se era antes da Lei, torna-se então superior a ela (Hebreus 7. 1-9).


Podemos observar algumas coisas em Abraão que nos exorta para ser dizimistas fiéis ao Senhor:


  • O DIZIMISTA VÊ A PROVISÃO DE DEUS NA SUA VIDA (v. 18)

Ninguém pense que o dizimista é alguém que não vê milagres, porque se pensa está totalmente enganado.

Abraão viu um imenso milagre antes de dizimar ao Senhor, ele e apenas 300 homens conseguiram derrotar 5 reis e seus exércitos, sendo que anteriormente 4 reis lutaram contra eles e perderam (Gênesis 14. 1-12). O milagre na vida de Abraão sempre foi uma coisa sobrenatural, mas a atitude dele é clara ao crer em milagres, sabendo que podia ir a guerra porque o Senhor estava com ele para lhe ajudar.

Se analisarmos bem a vida desse dizimista, Abraão, veremos que aonde ele ia, em tudo o que ele fazia, sempre a mão do Senhor estava com a vida dele. As posses sempre multiplicava-se por onde quer que ele fosse (Gênesis 12. 16; 20. 7, 14).

A vida sempre é cheia de consequências, existe consequência para tudo nesse mundo, sejam para as coisas boas, como para as coisas más. Abraão era um dizimista, isso fez com que ele visse a provisão sobrenatural de Deus em abençoar-lhe financeiramente. O dízimo é apenas a décima parte de tudo o que recebemos de Deus, por isso damos a Ele essa pequena parte, o dízimo traz consequências abençoadoras para aqueles que o praticam (Gálatas 6. 7, 8), como por exemplo, Deus abre as janelas dos céus para prover o sustento do dizimista e repreende o devorador (Malaquias 3. 10, 11), o Senhor também ama a quem dá com alegria (2 Coríntios 9. 7).

A pessoa que não segue o exemplo de Abraão, ou seja, não dizima, torna-se um alvo da maldição do pecado em sua casa, tudo quanto ele tem desgasta, tudo o que ele faz não prospera, com maldição (porque não dizima) é amaldiçoado (Malaquias 3. 8, 9; Ageu 1. 6-11).

  • QUEM DIZÍMA É ABENÇOADO POR DEUS (v. 19)

O dizimista desfruta de algo tremendo da parte de Deus que é a bênção do Senhor. A vida do dizimista é sempre abençoada em todas as áreas, a Palavra é bem clara que quando damos a Deus o que é d'Ele, Ele manifesta a provisão em nossas vidas.

Abraão assim que dizimou ao sacerdote Melquisedeque, foi abençoado imediatamente pelo sacerdote. Abraão estava sendo bendito pelo Senhor dono de todas as coisas nesse universo, podemos observar assim que ao dizimar a bênção soberana de Deus vem imediatamente sobre nossas vidas, nosso trabalho, nosso dinheiro, nossa família e tudo quanto possuímos financeiramente.

Outra razão que o dizimista é abençoado, simplesmente o fato de que ele obedece, afinal, quem obedece ao Senhor e seus mandamentos verdadeiramente é discípulo dele (1 Samuel 15. 22; João 14. 15, 21; 15. 10).

Vemos na Palavra que a obediência traz imensuráveis consequências na vida daquele que segue a obediência à risca, como observamos na Lei mosaica (Deuteronômio 18. 1-15). Alguns teólogos afirmam que não devemos crer nas promessas da Lei, porque ela foi dirigida apenas a Israel e cumpridas na pessoa de Cristo Jesus, porém a Palavra é bem clara que essas promessas também aplicam-se a nós, porque Cristo cumpriu a Lei, então as promessas estão sobre Ele e seus herdeiros, como Ele morreu e ressuscitou, então nós recebemos essas promessas por direito de herança, assim, somos co-participantes da promessa da bênção do cumprimento da Lei em Cristo Jesus (Efésios 3. 6).

  • OS INIMIGOS DOS DIZIMISTAS SÃO ENTREGUES EM SUAS MÃOS PELO SENHOR (v. 20)

Vemos no texto que Abraão enfrentou um imenso exército, com poucos homens alcançou a vitória sobre os seus inimigos. Quando somos fiéis ao Senhor, Ele tem prazer em pelejar por nós, em derrubar àquilo que nos atrapalha e mostrar a Sua imensa fidelidade.

Em toda família não existe inimigo pior do que o devorador. Hoje sabemos que nossa luta não é contra nenhuma pessoa (Efésios 6. 12), mas a nossa luta está na região celeste, o pior disso tudo é que se dermos brecha o inimigo usará para destruir-mos, por isso temos que tampar todas as brechas de nossas vidas. Se você quer que a sua vida financeira seja prosperará, posso te aconselhar em cinco coisas:
  1. Trabalhe muito!
  2. Lucre muito!
  3. Dizime!
  4. Economize o máximo que puder!
  5. Seja um bom administrador do seu dinheiro!

  • O DIZIMISTA FIEL TEM PRAZER EM DIZIMAR (v. 20)

Outra questão na vida do dizimista é que ele tem prazer em dá o dízimo. Ouvimos muito acerca de pessoas que dizimam com o coração duro, o que na verdade não agrada ao Senhor, porque tudo o que fazemos para Deus temos que fazer com alegria de coração, com sinceridade, paz e prazer em servi-Lo.

CONCLUSÃO


Aprendemos que o dízimo não é apenas uma questão de religiosidade, mas é uma questão de obediência, de serviço, de fé e de amor.

Abraão tem muito o que nos mostrar, seu exemplo é tremendo, principalmente quando observamos a consequência de sua atitude, o que Deus fez por ele e com ele. É maravilhoso saber que temos um Deus bondoso que está disposto a nos abençoar de uma maneira sobrenatural, um Deus que se interessa tanto por nós que está disposto a ajudar-nos até mesmo na área financeira.

Dizime, não deixe que o Diabo e falsos ensinamentos o tirem do alvo do dízimo, porque quem dizima vê a fidelidade de Deus e a bênção d'Ele na vida financeira duma maneira tremenda.
8 Responses
  1. Parabens pelo seu blog, é uma bençao que Deus continue te abençoando sempre... visite meu blog, passa lá e comenta. te vejo por lá.


  2. carlson Says:

    Pastor, sendo a possibilidade do Senhor "Abrir as janelas dos Céus" para abençoar-nos, posso pedir-lhe que por favor ore por mim e pela minha família, pois estamos piores que a família de Jó.
    Ainda que não nos sobre dinheiro para fazermos ofertas voluntárias
    e dízimo. Não estamos sendo abençoados por não termos "como" cumprir este Mandamento. Já fomos bons dizimistas quando a situação não era precária, mas agora, não temos como! Obrigado,
    Pastor, por tudo o que o senhor puder fazer por nós! Carlson.


  3. Oi Carlson, estou orando por você, saiba que mesmo na dificuldade não negue a fidelidade, por mais difícil que seja. Saiba que a tempestade passará. Deus nunca deixará "o justo mendigar o pão". Tome posse da Palavra, e de cada promessa. Encontre possibilidades aonde não há possibilidade. Deus te abençoe!


  4. Giles Says:

    A paz a todos e lamento informa que tudo o que foi escrito aqui infelizmente esta fora do contexto bíbilico. Primeiro Dízimo em Malaquias foi uma mandamento para os Israelitas e descendentes da tribo de Levi. Eu pergunto alguem aí é descendente de Levi?
    Segundo os dízimos que eram dados no antigo testamento até a morte de Jesus sempre foram alimentos e nunca dinheiro, nuncaaaaaaa, e olha que existia ciclos de prata na época, ver Números. Terceiro Em efésios 2:15 Fala que Jesus aboliu na carne todos os mandamentos da Lei. Romanos 10-15 O fim da Lei é Cristo. Em hebreus 7 fala que Abraão devolveu o dízimos dos depojos ou seja lucro de geurra e não da fortuna dele. Outra coisa amandos, se eu perguntar a vocÊs se vocês se guardam o sábado, usam kipah, talite, e etc... vcs irão me dizer que não por que nao seguem a lei e sim a graça, pois bem e por que dizima-se? Outra coisa quem roubava a Deus na época eram os Sacerdotes (ver MALAQUIAS 2) e não as ovelhas comose falam e p terminmar CASA DO TESOURO não é igreja hoje e sim era um templo judico abençoado para estocar os alimentos e outra os gafanhotos que falam em Malaquias 3 não é demônios como os Pastores falam e sim pragas das lavouras . locusta, Pulgão, aruga e etc.. e nunca será demônios, resumindo aqueles que permanecem na Lei sem cumprir os 613 mandamentos é maldito ou seja Anátema segundo tiago 2 ,15. Fiquem na Paz. Deixo meu e-mail para quem quzier escrever : gil_amigo@hotmail.com


  5. GILES Says:

    O DÍZIMO DE ABRAÃO FOI O DÍZIMO SEGUNDO HEBREUS 7 O DÍZIMO DO DESPOJO. O QUE É DESPOJO (LUCRO DE GUERRA) OUSE JA ABRAÃO DIZIMOU AQUILO QUE NÃO ERA DA RIQUEZA DELE E SIM DAQUILO QUE ELE CONQUISTO É SÓ LER HEBREUS 7. OUTRA COISA IR MÃOS O QUE FICAM HOJE NAS IGREJAS SÃO AS OFERTAS E NÃO DÍZIMOS AMADOS. QUANDO JESUS FALOU DE O QUE É DE CESAR O QUE É DE CESAR , O QUE É DE DEUS O QUE É DE DEUS, SIGNIFICA QUE ELES DEVERIAM DAR OS TRIBUTOS A CESAR, DAR HONRA ATRAVÉS DAS MOEDAS POR QUE ERA UMA MANEIRA DE SER HONRAR UMA AUTORIDADE TERRANA E DAR O QUE É DE DEUS SIGNIFICA DAR HONRA, TRIBUTO, GLÓRIAS E NÃO DINHEIRO, OUTRA COISA IRMÃOS PELO AMOR DE DEUS VIVEMOS NA GRAÇA E DÍZIMO FOI ESTIPULADO NA LEI MOSAICA AOS JUDEUS AS BENÇÃOS DE MALAQUIAS SE DESTINAVAM A ISRAELITAS E NÃO NÓS GENTIOS. EM ATOS 15 VERSÍCULO 20 A 29 DIZ : PARECEU BEM AO ESPÍRITO SANTO E A NÓS QUE NÃO IMPONHA ENCARGOS OU SEJA MANDAMENTOS AOS GENTIOS A NÃO SER ESSES 4 : ABSTER-SE DO SANGUE, CARNE SUFOCA, COMIDAS SACRIFICADAS A DEMÔNIOS E A RELAÇÃO SEXUAL ILÍCITA. VIU IRMÃOS PARECEU BEM AO ESPÍRITO SANTO E AÍ QUEM VAI CONTEXTA ESSE MANDAMENTO DO ESPÍRITO SANTO? NÃO CAIA NAS ARAMADILHAS DO DIABO, FALSOS DOUTORES E DOUTRINAS DE IGREJAS E DE DEMÔNIOS, POR FAVOR VAMOS SAIR DA LEI E VIVER NA GRAÇA E AMAR O PRÓXIMO POIS JESUS DISSE QUE QUEM AMA O PRÓXIMO CUMPRIU A LEI GENTE. DEIXO AQUI MEU E-MAIL : GIL_AMIGO@HOTMAIL.COM


  6. giles Says:

    E POR ÚLTIMO QUANDO JESUS FALOU EU NÃO VI REVOGAR A LEI E SIM CUMPRIR, SIGNIFICAR CUMPRIR, SIGNIFICA QUE VEIO A RSICA CUMPRIR E QUEM CUMPRE ALGO PARA NÃO MAIS DAR CONTINUIDADE. GENTE A LEI SERVIU DE AIO COMO DIZ AS ESCRITURAS AIO É TUTOR , PROFESSOR COMO SE FOSSWE UMA BÚSSOLA, SOMBRAS DAS COISAS QUE VIRIAM QUE SGINIFICA A GRAÇA. GENTE SE VOCêS DIZIMARM TEM QUE CUMPRIR TODOS OS 631 MANDAMENTOS FESTAS, MANDAMENTSOS, RITUAIS TUDO. PELO AMOR DE DEUS, EM 1 CORÍNTIOS, FALA QUE O VÉU QUE ESTAVA POSTO EM MOISES ATÉ HOJE FICA NO CORAÇÃO DAQUELES QUE SÃO ENDURECIDOS PELA LEI. LEI NÃO JUSTIFICA NINGUEM OBRAS SÃO LEI, A LEI SIGINIFICA A TORAH OU SEJA OS 513 MANDAMENTOS E NÃO SOMENTE OS 10 MANDAMENTOS, PELO AMOR DE DEUS A IGREJA PRIMITIVA NÃO DIZIMAVA SO OFERTAVA E AS OFERTAS NÃO E PARA PASTOR E SIM APRA SUSTENTAR AS OBRAS MISSIONÁRIOS E AJUDAR IRMÃOS NECESSITADOS DE FOME E COISAS MATERIAIS. VAMOS VIVER NA GRAÇA , ESPEROQ UE VOCÊS NÃO CAIM MANSI NAS DOUTRINAS DOS EXEGETAS E DOUTORES DA LEI, LEMNBRE-SE A LETRA OU SEJA A LEI MATA E O ESPÍRITO GRAÇA , JESUS RESSUREIÇÃO DA VIDA. FIQUEM NA PAZ gil_amigo@hotmail.com


  7. Anônimo Says:

    para acabar irmãos em hebreus 7:12 fala-se bem claro :

    Porque, mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também mudança da lei. (Hebreus 7.12)


    O SACERDÓCIO ERA MELQUISEDEQUE E AGORA É CRISTO O SACERDOTE DOS SACAERDOTES OU SEJA MUDA-SE A LEI ERA O A LEI MOSÁICA A AGORA É A LEI DA GRAÇA. AGORA SIM FIQUEM NA PAZZZZZ. GILES


  8. Anônimo Says:

    cada um acredita no que quer, mas sinto no meu coracao que se eu contribuir na obra de deus mais bencaos irei ter na minha vida, e irei agradar a deus pai que jaz tanto por nos....... ass: mauricio